Edgar Rice Burroughs - O Criador de Tarzan


 

 

Edgar Rice Burroughs foi um notável escritor norte-americano, nascido em 1 de setembro de 1875, em Chicago, Illinois e se tornou muito conhecido mundialmente pelas suas obras, principalmente pela criação do herói da selva Tarzan. Estudou em diversas escolas e mais tarde foi para Phillips Academy em Andover, Massachusetts e posteriormente para a Academia Militar de Michigan.

 

 

Graduou-se em 1895, tentou entrar para a famosa Academia Militar de West Point e não conseguindo alistou-se como soldado na cavalaria no Território do Arizona. Pouco tempo depois foi diagnosticado com um problema no coração e a partir de então teve diversos empregos curtos, inclusive trabalhando um tempo na fazenda. Depois encontrou um lugar na empresa em que seu pai trabalhava e em 1900 casou-se com Emma Centennia Hulbert.

 

 

Quatro anos mais tarde voltou para Chicago onde trabalhou em emprego de baixo salário e em 1911 começou a escrever seus primeiros livros de ficção. Por este tempo Burroughs e Emma tinham dois filhos, Joan e Hulbert e começou a vender suas histórias para as revistas pulp fiction por alguns dólares.

 

 

Pouco tempo depois passou a assumir sua vida de escritor por tempo integral e em 1912 publicou a série “A Princess of Mars” e “Tarzan of the Apes” e a partir de então sua vida começou a melhorar gradativamente. Em 1913, nasceu o seu terceiro filho chamado John Coleman.

 

 

Durante sua vida, Burroughs escreveu aventuras populares que iam da ficção científica às histórias de fantasia, mas foi com Tarzan que ele realmente se notabilizou, assim como capitalizou a popularidade de Tarzan de todas as maneiras possíveis, tais como filmes, comics book e até mercadorias.

 

 

Em 1923, Burroughs criou sua própria empresa, a Edgar Rice Burroughs, Inc., e começou a imprimir seus próprios livros até a metade de 1930. Em 1934 divorciou-se de Emma e casou novamente com a ex-atriz Florence Gilbert Dearholt e se divorciou em 1942.

 

 

Mais tarde quando os Estados Unidos foram atacados pelos japoneses em Pearl Harbor, Burroughs se tornou correspondente de guerra e quando a guerra terminou voltou para a Califórnia, onde passou a enfrentar diversos problemas de saúde, até o seu falecimento em 19 de março de 1950, de um ataque cardíaco. Em toda sua vida, Burroughs escreveu por volta de setenta romances.

 

Vídeo

Retonar/Artigos