tvsinopse.

kinghost.net

 







 


Triumvirat - Grupo de Rock Progressivo Alemão


 

 

Triumvirat foi um trio alemão de rock progressivo que se formou em 1969, na cidade de Colônia, na Alemanha, composto pelo tecladista e compositor Hans Jürgen Fritz, o baterista Hans Bathelt e o baixista Werner “Dick” Frangenberg. Pouco tempo depois Frangenberg deixou o grupo e foi substituído pelo baixista e vocalista Hans Pape.

 

 

No início dos anos 70, o grupo enviou uma fita demo para ser apreciada pela EMI Records em Colônia e pouco tempo depois já estavam com um contrato com a gravadora e começaram as gravações de seu primeiro álbum “Mediterranean Tales” que foi lançada em 1972, através do selo Harvest / EMI, com Hans Bathelt na bateria e percussão; Jürgen Fritz no órgão, piano elétrico, sintetizador, percussão e vocal e Hans Pape como líder vocal e baixo.

 

 

Seu estilo era claramente inspirado em Keith Emerson e logo muitas pessoas os consideravam como um clone de ELP, no entanto eles eram muitas vezes mais leves, menos pretensioso e até mais cativantes que ELP, além disso possuíam uma característica muito própria.

 

 

Pouco tempo depois gravaram o seu segundo álbum “Illusion On a Double Dimple”, que foi lançada em 1974, com Jürgen Fritz, Hans Bathelt, Helmut Köllen, Hans Pape e no backing vocals com Peter Cedera, Hana Dölitzsch, Vanetta Fields, Brigitte Thomas e Ulla Wiemer. Logo após este disco Hans Pepe saiu do grupo e foi substituído no vocal por Helmut Köllen. Ainda por essa época a EMI enviou uma copia para a Capitol Records, que lançou o álbum nos Estados Unidos, onde foram bem recebidos.

 

 

Depois fizeram uma turnê pelas cidade norte-americana servindo de abertura para Fleetwood Mac. Um ano depois em 1975, chegava “Spartacus”, e estouraram com esse álbum, ficando conhecido em quase todo o mundo. O disco contou com Jürgen Fritz ao piano e sintetizadores; Hans Bathelt na bateria e percussão e Helmut Köllen no baixo e se encarregando do vocal.

 

 

Ao final da turnê nos Estados Unidos do álbum “Spartacus”, Helmut Köllen saiu do grupo para seguir uma carreira solo, fazendo com que Dick Frangenberg retornasse novamente ao conjunto e o novo vocalista passou a ser Barry Palmer e com esta formação gravação outro álbum “Old Loves Die Hard” que foi lançada em 1976, que não fez tanto sucesso como o disco anterior.

 

 

Apesar de Helmut sair do conjunto, ainda em 1976, Fritz e ele voltaram a trabalhar juntos novamente, e preparam o primeiro álbum solo de Köellen denominado “You Won´t See Mee” que chegou as lojas em 1977. O disco contou além de Köllen e Fritz com Dieter Petereit no baixo, Mathias Hoitmann na bateria e com os backing vocal de Brigitte Witt, Elke Köllen e The Horn and String Section.

 

Foto - Hans Bathelt - Jürgen Fritz e Helmut Köllen

 

Helmut Köllen nasceu em 2 de março de 1950 e morreu envenenado em 3 de maio de 1977, aos 27 anos de idade, por monóxido de carbono enquanto ouvia algumas de suas faixas de estúdio num carro ligado numa garagem fechada. O único disco solo dele "You Won´t See Mee" foi lançada postumamente em outubro de 1977, e o disco foi dedicado aos pais de Helmut.

 

 

Pouco tempo depois da morte prematura Helmut Köllen, Barry Palmer ficou encarregado do vocal do novo disco "Pompeii". Dizem que por essa época Jürgen Fritz entrou numa disputa legal com Hans Bathelt sobre os direitos do nome Triumvirat e desta forma foi chamado o baterista Curt Cress no lugar de Bathelt e juntamente com Dieter Petereit no baixo gravaram o novo disco, e renomearam brevemente o conjunto de New Trimvirat, como consta na capa do disco.

 

 

Ao final dos anos 70, o rock progressivo já não era tão popular assim, mas mesmo assim Triumvirat continuou e lançou em 1978 o álbum "A La Carte" com músicas um pouco diferente das anteriores, com mais proximidade ao pop e chegando e conseguindo chegar as paradas de sucesso com a música "For You".

 

Foto - Hans Bathelt

 

Este disco contou com Jürgen Fritz, Matthias Holtmann, Werner Kopal e vocal aos cuidados de David Hanselmann. Além deles contou com uma infinidade de músicos como Bill Lamb, Mark Isham, Vinnie Fannele, Marie Robinson, Tommy Johnson e Jene Cipriniano, entre outros, com muitos metais, orquestra e violinos. Também voltaram a gravar com o nome original de Triumvirat e Hans Bathelt já não mais participava do grupo.

 

 

Depois do álbum "A La Carte" o grupo Triumvirat ainda tentou um último recurso lançando em 1980 o disco "Triumvirat: Russian Roulette", provavelmente o disco menos conhecido. Este disco conta apenas com Jürgen Fritz do grupo original, participando com músicos como Arno Steffen, Jeff Porcaro, Steve Lukather, Tim May, Robert Greenidge e Neal Stubenhaus, entre outros.

 

 

 Em 1999, Jürgen Fritz tentou reavivar o Triumvirat se reunindo com o baterista Curt Cress. Também em 2000 surgiu um disco promocional de Fan Club contendo dois sucessos de gravações antigas "Take a Break Today" e "The Capital of Power", com Jürgen Fritz, Helmut Köllen e Hans Bathelt. Dois anos mais tarde em 2002, juntamente com Stevens Grant e John Miles gravaram o álbum “Website Story”, mas não conseguiram encontrar nenhuma gravadora disposta a liberá-lo.

 

Clique na música desejada para escutar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Helmut Köllen

 

 

Vídeo

 

Principais Fontes Bibliográficas

 

http://en.wikipedia.org/wiki/Helmut_Köllen

http://en.wikipedia.org/wiki/Triumvirat

http://www.triumvirat.net/hkoellen.htm

http://www.proparchives.com/artist.asp?id=392

http://www.progressiverockbr.com/

 

OBS - Nota:

 

Todas as músicas foram encontradas no site abaixo especificada:

Original Fonte - www.4shared.com/

Depois transformadas em arquivos wav de baixa qualidade

para servir apenas como ilustração ao texto.

As mesmas continuam a pertencer aos seus legítimos proprietários.

Não estamos autorizados a promover downloads ou coisas semelhantes.

Solicitamos a gentileza de utilizá-los com bom senso.

Grato

 

Retornar/Artigos

 

 


 



 

tvsinopse.

kinghost.net