Yellow Kid - A Primeira Tira em Quadrinhos


 

 

The Yellow Kid ou O Garoto Amarelo era o nome mais conhecido de Mickey Dugan, personagem principal de Hogan´s Alley, provavelmente a primeira tira em quadrinhos do mundo e uma das primeiras a serem impressas a cores. Ela era desenhada por Richard Felton Outcault e apareceu pela primeira vez, de maneira esporádica na revista chamada Truth, entre 1894 a 1895.

 

 

Sua estréia oficial aconteceu no jornal New York World no dia 17 de fevereiro de 1895, em preto e branco e a partir de 5 de maio, deste mesmo ano, passou a ser apresentada a cores, depois que passou a receber apoio dos personagens secundários. Apesar de sua estréia, o personagem já havia aparecido como desenho em satíricas políticas e em outros assuntos.

 

 

Gradualmente Yellow Kid foi se tornando parte das páginas de domingo e depois passou a aparecer várias vezes na semana. Na época a tira do jornal foi descrita como um panorama teatral da cidade, que mostravam as tensões raciais do novo mundo urbano, o ambiente consumista, representado por um grupo danoso de habitantes da Cidade de Nova Iorque, que gostava de lidar com coisas erradas.

 

 

Yellow Kid era uma criança calva, desdentada, com um largo sorriso no rosto e usava sempre uma camisola amarela. Vivia nas ruelas de um gheto ao redor de outras crianças igualmente estranhas. Todas as crianças falavam uma gíria própria dos ghetos e a camisola de Yellow Kid possuía algumas coisas nela impressa, que tinha como objetivo satirizar os oudoors de propaganda.

 

 

A cabeça de Yellow Kid era completamente raspada como se tivesse recentemente com piolhos, exatamente para representar uma visão comum entre as crianças que viviam nos guetos de Nova Iorque nessa ocasião. A sua camisola folgada parecida ter pertencido a uma de suas irmãs mais velha.

 

 

Nas tiras de Yellow Kid foram utilizadas pela primeira vez o artifício de usar balões para mostrar as falas dos personagens, apesar do garoto somente se comunicar através das inscrições que apareciam em sua camisola.

 

 

Logo a imagem de Yellow Kid passou a ser um exemplo vivo de uma nova maneira de se fazer merchandizing e suas estampas apareciam constantemente nos mercados populares de varejo em Nova Iorque, próximo da área de propaganda e de outras mercadorias como botões, cigarros, charutos, bolacha, cartões postais, chicletes, brinquedos e muitos outros produtos.

 

 

Em 1896, Outcault foi contratado por um dos maiores salários pelo Journal American de New York de William Randolph Hearst, onde eram publicadas as tiras de Yellow Kid colorida, em página inteira, de forma significativamente violenta e até mesmo vulgar, se comparados com as primeiras tiras para a revista Truth.

 

 

Nessa época, Pulitzer, que detinha os direitos autorais de Hogan´s Alley, contratou George Luks para continuar desenhando os personagens, que agora já não eram assim tão populares, para uma versão para o World. Conseqüentemente, Yellow Kid aparecia simultaneamente em dois jornais, que competiam um com o outro. Outcalt produziu três séries subseqüentes de Yellow Kid em tiras para ao Journal American, que não duraram mais do quatro meses.

 

 

Como sucesso de merchandizing, as tiras de Yellow Kid se tornaram um ícone de propaganda e representante do mundo grosseiro e comercial, que originalmente ele mesmo havia satirizado. Mas depois de três anos as publicações de Yellow Kid pararam abruptamente em 1898, provavelmente por Outcault ter perdido interesse pelo personagem ao perceber que não podia mais deter o controle comercial sobre o personagem.

 

 

O último aparecimento de Yellow Kid aconteceu no dia 23 de janeiro de 1898, numa tira sobre um tônico capilar. Pouco tempo depois, em 1 de maio deste mesmo ano, o personagem Yellow Kid aparecia sendo caricaturado de forma bastante satírica, como um homem velho, barbudo, careca e usando uma camiseta verde.

 

 

Vídeo

 

Principais Fontes Bibliográficas

http://www.marklansdown.com/pinbacks/pages/yellowkid.html

http://www.neponset.com/yellowkid/

http://es.wikipedia.org/wiki/The_Yellow_Kid

http://en.wikipedia.org/wiki/The_Yellow_Kid

 

Retornar/ Artigos