tvsinopse.

kinghost.net

 







 


Daniel Boone


 

 

Daniel Boone foi uma das séries de TV pioneiras a falar sobre os colonizadores norte-americanos. Daniel nasceu no dia 2 de novembro de 1734 e morreu em 26 de setembro de 1820, que abriu caminho conhecido como Wilderness Road e fundou Boonesborough, em Kentucky, um dos primeiros assentamentos de língua inglesa na região. Os pais de Daniel chamavam-se Squire Boone e Sarah Jarman Morgan e haviam imigrado para Pensilvania em 1713. Daniel teve onze irmãos e recebeu muita pouca instrução formal, mas sabia ler e escrever. Presumivelmente havia sido instruído para ser fazendeiro, ferreiro e tecelão.

 

 

Em 14 de agosto de 1755 Daniel se casou com Rebecca Bryan, uma vizinha com teve dez filhos. A princípio moraram numa cabana numa fazenda de seu pai, depois em 1759 mudou-se para Culpepper County, na Virginia. Depois esteve a serviço dos ingleses durante a Guerra dos Sete Anos e anos depois começou a explorar grande parte de Kentuchy e Tennesse, que por esse tempo eram terras fronteiriças das colônias européias recentemente estabelecidas.

 

 

Daniel acabou se convertendo num dos instrumentos principais para o estabelecimento de Wilderness Road. Em 1765 explorou Pensacola, na Flórida e em 1769 abriu o primeiro caminho conhecido entre a Carolina do Norte e Tennesse. Em 1773, Boone tentou estabelecer-se em Kentucky, mas um ataque dos índios resultou na morte do major James. Em 1775 juntamente com um grupo de trinta colonos começou a abrir a rota conhecido como Wilderness Road e criou uma colônia no Forte Boonesborough, perto de Lexinton, Kentucky, sendo este o primeiro assentamento na Transilvania.

 

 

Baseado nesta figura lendária, muitos livros, contos e alguns filmes foram criados e em 1964 a NBC resolveu lançar sua versão de Daniel Boone, convidando Fess Parker para protagonizar o lendário personagem das pradarias norte-americanas. Fess já havia interpretado um personagem parecido em Davy Crocket para a Disney. A série Daniel Boone estreou no dia 24 de setembro de 1964 pela NBC e ficou até 10 de setembro de 1970, num total de 165 episódios produzidas pela 20th Century Fox Television.

 

 

Em pouco tempo de exibição já aparecida nos primeiros lugares de audiência e popularidade, competindo de igual para igual com outras séries como Batman, A Ilha dos Birutas, Os Monstros, A Noviça Voadora, entre outras. A série, entre outras coisas, discutia a relação entre o homem branco com os índios e os métodos utilizados para que o território pudessem ser conquistados.

 

 

Mostrava também a invasão dos pioneiros e também as tribos que tinham constantemente que lutar contra os ingleses, que pensavam em reaver as terras perdidas durante a guerra. Ainda nesse cenário encontravam-se famílias em busca de uma vida melhor, caçadores de recompensas e de peles, oportunistas que tentavam vender armas aos índios e que ao mesmo tempo destruíam suas casas.

 

 

Entre os atores secundários que acompanham Parker estavam o ator Ed Ames como Mingo, um índio cherokee educado e amigo de Boone; Albert Salmi (1964-1965) como Yadkin, amigo e companheiro de Boone; Darby Hinton como Israel Boone, filho de Daniel; Veronica Cartwright como Jemina, sua filha, entre outros. Ao longo dos anos outros atores surgiram no lugar de Yadkin como Jimmy Dean (1967-1969) como Josh Clements e Roosevel "Rosie" Grier (1969-1970) como Gabe Cooper, um escravo negro fugitivo.

 

 

Fess Parker, o ator que interpretou Daniel Boone nessa série, virou lenda viva na região do Kentucky e por lá pode-se ver placas pelas estradas relatando feitos de Daniel Boone. Em 1977, a CBS lançou um remake intitulado Young Daniel Boone, que foi apresentado entre setembro e outubro de 1977 e durou apenas quatro episódios. No Brasil a série original Daniel Boone foi apresentada nos anos 70 pela rede Globo no período matutino.

 

 

Fess Parker nasceu no dia 16 de agosto de 1926 em Forth Worth, Texas, Estados Unidos e estudou na Universidade do Texas. Começou sua carreira cinematográfica no início dos anos 50 com alguns filmes de ação, como "Springfield Rifle" (1952) e filmes de ficção como "Them! (1954), mas foi na metade desta década de conseguiu virar celebridade com o personagem Davy Crocrett no filme "Davy Crocket, King of the Wild Frontier" (1955) e um ano depois protagonizava "Davy Crocrett and the River Pirates (1956) juntamente com Buddy Ebsen.

 

Foto - Fess Parker (2004)

 

Foi contratado da Disney e com ele filmou grandes filmes de aventuras da década como "The Great Locomotive Chase" (1956)e logo se viu protagonizando vários papéis de heróis de aventuras campestres como "Old Yeller" (1957). No inicio dos anos 60 fez alguns westerns e entre 1962 e 1963 protagonizou a série "Mr. Smith goes to Washington" para a ABC, baseado num clássico de Frank Capra de 1939, que tinha Fess no papel de Eugene Smith, um honesto e um político rural eleito por uma bando do Senado dos Estados Unidos. Mas depois de um ano a série foi cancelada e foi onde encontrou êxito interpretando o papel de Daniel Boone. Fess também gravou um disco com canções de fronteira.

 

Ed Ames (Mingo) (1964-68)

 

Ed Ames nasceu em 1927 e iniciou sua carreira artística como cantor numa banda familiar chamada Ames Brothers de grande popularidade. Depois Ed abandonou a música e começou a se dedicar e estudar teatro e atuação na Herbert Berghoff School. Mais tarde se especializou sob a tutela de Tamara Doykharhanova, Lee Strasberg e Milton Katselas. Seu primeiro trabalho como ator foi protagonizando John Proctor numa versão de "The Crucible", uma obra de Arthur Miller montagem Off -Broadway. Mais tarde trabalhou no musical "The Fantasticks" e se consagrou numa adaptação da obra de Ken Kesey "One Flew Over the Cuckoo´s Nest", ao lado de Kirk Douglas.

 

Ed Ames (2004)

 

Nessa época foi contratado pela Fox e viajou de Nova Iorque a Los Angeles para representar na série Daniel Boone. Ed permaneceu na série por cinco temporadas e também voltou a cantar. Após o cancelamento da série começou a se dedicar ao tênis, além de estudar diferentes idiomas e a dirigir suas próprias companhias teatrais, montando obras como "Homem de La Mancha", "Um Violonista no Telhado", "Camelot", entre outras. Fora isso apareceu como artista convidado em várias séries e seguiu no mundo da música e nos últimos anos distinguiu-se na luta pelas causa caritativas e ecológicas. Recentemente comprou um rancho em Utah onde se dedica a criar cavalos.

 

Patricia Blair (Rebecca Boone)

 

Darby Hinton (Israel Boone)

 

Dal McKennon (Cincinnatus)
Robert Logan (Jericho Jones) (1965-66)
Don Pedro Colley (Gideão) (1968-69)
Roosevelt Grier (Gabe Cooper) (1969-70)
Jimmy Dean (Josh Clements) (1968-70)

Albert Salmi (Yadkin) (1964-65)

Veronica Cartwright (Jemima Boone) (1964-66)

 

Música Tema

 

 

Principais Fontes Bibliográficas

 

http://hoover.archives.gov/exhibits/HollywoodCowboys/television/FessParker.html

http://dnsmore.corsswinds.net/danielboonetv.html

http://www.fesparker.com/fess_parker.htm

http://www.jumptheshark.com/d/danielboone.htm

http://www.geocitites.com/geysonas/index5.html

http://www.nostalgiacentral.com/tv/drama/danielboone.htm

http://www.teacuerdas.com/nostalgia-personages.htm

http://www.boonesociety.com/articles/BooneArticles.htm

http://en.wikipedia.org/wiki/Daniel_Boone_(TV_series)

http://quintadimension.com/televicio/index.php)

 

Retornar/Index

 

 


 



 

tvsinopse.

kinghost.net