tvsinopse.

kinghost.net

 







 


The Dick Van Dyke Show


 

 

A série The Dick Van Dyke Show foi criada por Carl Reiner e foi gerada originalmente como uma das várias comédias que eram apresentadas dentro do programa "CBS Comedy Spot", onde inclusive num dos episódios, também criado por Reiner,  chamado "The Incredible Jewel Robbery" foram inclusos Harpo e Chico Marx interpretando um par de ladrões de jóias.

 

 

Pouco tempo depois, Reiner foi chamado novamente para criar um outro episódio que se chamou "Head of the Family", onde o personagem Rob Petrie apareceu pela primeira vez, como um roteirista de uma comédia de televisão, que descobre que seu filho está sendo vítima de chacota, por seus colegas de escola, pelo fato de seu pai não ter um emprego decente e importante quanto os outros da escola, deixando Rob totalmente desiludido com o seu trabalho.

 

 

Este episódio chamou a atenção do produtor executivo Sheldon Leonard que persuadiu Carl Reiner a transformar este episódio numa série de televisão e assim Reiner o fez. Ele reformatou o episódio para um seriado, convidou Dick Van Dyke para interpretar Rob, um roteirista de um espetáculo fictício chamado The Alan Brady Show. Para fazer o papel da esposa de Rob, os produtores resolveram apostar numa nova e desconhecida atriz chamada Mary Tyler Moore, que não havia feito quase nada, constando em seu currículo como trabalho importante, apenas um pequeno comercial de televisão.

 

 

A série girava basicamente em torno de alguns personagens principais: Robert "Rob" Petrie (Dick Van Dyke), que trabalhava juntamente como Sally Rogers (Rose Marie) e Buddy Sorrell (Morey Amsterdam). Rob era casado com Laura Petrie (Mary Tyler Moore), uma dona de casa e também uma ex-dançarina da U.S.O., de onde Rob a conheceu.

 

 

Rob também tinha que conviver com o produtor do programa, o arrogante Mel Cooney (Richard Deacon) e durante a primeira temporada o personagem Alan Brady praticamente não aparecia e quando o fazia, era interpretado pelo próprio Carl Reiner.

 

 

Geralmente o espetáculo era focalizado na vida íntima de Rob e Laura, que viviam num subúrbio chamado New Rochelle, em Nova Iorque, juntamente com seu filho Ritchie (Larry Mattews), que aparecia somente de vez em quando, assim como seus vizinhos Jerry Helper (Jerry Paris) e sua mulher Millie Helper (Ann Morgan) ou então nas cenas que mostravam o dia-a-dia de Rob no trabalho e suas preocupações.

 

 

A série, por muito pouco, quase não chegou a se concretizar, pois um dos executivos da CBS, Jim Aubrey, simplesmente detestou o programa quando lhe foi apresentado e só permitiu sua continuidade, quando a empresa Proctor e Gamble, se comprometeu a patrocinar o espetáculo, mas apesar disso a série foi olhada por muitos de dentro da CBS, durante algum tempo como um lixo televisivo, contudo logo mudaram de opinião quando o espetáculo começou a ganhar audiência e uma porção de prêmios. Somente Emmy foram 15.

 

 

O espetáculo foi produzido em branco e preto, pelas companhias produtoras CBS Television, Calvada Productions e outras companhias que cuidaram dos detalhes do espetáculo, tais como som, locação e outras necessidades. A série foi apresentada originalmente nos Estados Unidos pela rede CBS, entre 3 de outubro de 1961 a 1 de junho de 1966, num total de 158 episódios (mais uma edição especial), com aproximadamente 25 minutos cada, em 5 temporadas. No Brasil foi exibida pela TV Excelsior a partir de 1965.

 

 

The Dick Van Dyke Show foi encerrado em 1966, devido a um pacto feito inicialmente em 1961, entre os produtores e o elenco, de que eles fariam apenas cinco temporadas. Em 1964 Dick Van Dyke filmou nos Estúdios da Disney "Mary Poppins" com Julie Andrews e em 1968 interpretou o Professor Potts de Ian Flemming no filme "Chitty Chitty Bang Bang", entre outros filmes e programas de televisão. De 1971 a 1974 voltou a apresentar "The New Dick Van Dyke Show", assim como alcançou sucesso participando da série "Diagnose Murder" entre 1992 a 2001 e continua até hoje trabalhando.

 

 

Já Mary Tyler Moore ganhou seu próprio espetáculo "The Mary Tyler Moore", produzido pela MTM, que acabou se tornando um outro grande sucesso, gerando até os "spin-offs" "Rhoda", "Phillis" e "Lou Grant". Mary também realizou uma bela e frutífera carreira cinematográfica em filmes famosos como "Ordinary People" e também como uma próspera produtora.

 

 

Em 11 de maio de 2004, a CBS promoveu uma reunião especial chamada "The Dick Van Dyke Show Revisited", produzido por Carl Reiner, reunindo novamente o elenco: Dick Van Dyke, Mary Tyler Moore, Rosa Marie, Larry Mathews, Ann Morgan Guilbert e Jerry Van Dyke, além de Reiner que reprisou o papel dele como Alan Brady.

 

Música Tema

 

 

Fonte Bibliográfica

 

http://www.ibdb.com/person.asp?ID=38860

http://dick-van-dyke.fantribute.com/

http://www.museum.tv/archives/etc/V/htmlV/vandykedic/vandyckedic.htm

http://www.pbs.org/hollywwodpresents/gingame/dvd/index.html

http://www.tv.com/person/1552/summary.html

http://en.wikipedia.org/wiki/Dick_Van_Dyke

http://www.clogo.com/c7/dick-van-dyke.html

http://www.imdb.com/title/tt0054533/

 

Retornar/Index

 

 


 



 

tvsinopse.

kinghost.net