tvsinopse.

kinghost.net

 







 


A Feiticeira - Bewitched - Parte 1


 

 

O projeto da série A Feiticeira teve seu inicio logo após o terceiro casamento de Elizabeth Montgomery, em 1963, com Willian Asher, por quem se apaixonou durante a filmagens de Johnny Cool, num filme dirigido por ele. Desde a algum tempo Elizabeth vinha expressando seu desejo de se aposentar como atriz, ter filhos e levar uma vida familiar normal. Asher então sugeriu que eles poderiam trabalhar juntos em uma nova série para a televisão, e assim passaram a idealizar esse projeto.

 

 

Pouco tempo depois, estava pronto um projeto em que mostrava o dia-a-dia de um frentista de um posto de gasolina, casado com mulher da alta sociedade. Os conflitos gerados por essa união seriam o tema da série. Asher apresentou essa proposta para William Dozier, da Columbia Television, que não se entusiasmou com a proposta, pois um projeto semelhante havia sido apresentada em 1961, por outro produtor, Harry Ackerman, em que mostrava os conflitos de um publicitário casado com uma bela feiticeira.

 

Sol Saks na década de 60

 

Willian Asher gostou dessa proposta de Ackerman e juntos resolveram levar adiante o projeto. Coube ao escritor de comédias, Sol Saks criar e escrever o episódio piloto da série. Para escrever e montar os personagens de A Feiticeira, Sol Saks inspirou-se no clássico de 1942, "I Married a Witch" (Eu casei com uma bruxa), estrelado por Fredric March e Veronica Lake e num filme de 1958 chamado "Bell, Book, and Candle" com James Stewart e Kim Novak. Ambos os filmes contavam histórias de típicos homens americanos que ficam apaixonados por bruxas jovens, que tinham escolhido viver no reino mortal. "I Married a Witch" foi baseado no livro de Thorne Smith, The Passionate Witch, enquanto que "Bell, Book, and Candle" era baseado numa música de John Druten.

 

Sol Saks - foto de 1999

 

Saks comentou as semelhanças entre os dois filmes com A Feiticeira no filme E! True Hollywood Story. Contou também não estar preocupado utilizar essas duas semelhanças, pois ambos os filmes pertenciam a Columbia Pictures e a Screen Gems era uma divisão da Columbia para a televisão, pois isso ela não iria colocar empecilhos em utilizar esses temas. Sol Saks declara em seu livro, The Craft of Comedy, de que a idéia de utilizar bruxas vivendo com mortais, já era bastante usada na mitologia grega, em contos de fadas, em romances e também no cinema. A única originalidade de A Feiticeira, foi a de ser o primeiro a adaptar este conceito para a televisão. 

 

CD remasterizada de dois Lps da Columbia de 1962 e 1963

 

Para interpretar Samanta, Saks tinha inicialmente escolhido Tammy Grimes, que ele havia visto em um filme e imediatamente gostado, mas a atriz estava ocupado com um musical. Saks estava até disposto a esperar pela atriz, mas os executivos da Screen Gem, não. Por outro lado, Saks também, até o momento, não havia solucionado certos problemas da sua personagem principal, que era de encontrar a maneira correta de Samantha manifestar sua magia. No filme Bell, Book and Candle, por exemplo, a bruxa interpretada por Kim Novak, tinha um gato para realizar sua magia.

 

 

Conta-se que a solução desse problema veio de uma reunião onde estavam presentes Saks, William Asher e Elizabeth Montgomery, quando o inesperado aconteceu. Elizabeth sugeriu vários gestos e numa delas, contraiu seu nariz (ou melhor, mexeu a boca), o que fez com Saks "sacasse" que aquele era o que ele procurava e imediatamente incorporou o gesto ao personagem de Samantha, o que também fez com que ela se tornasse uma séria candidata ao papel principal.

 

 

Após escolha de Elizabeth como atriz principal, os produtores procuraram um ator para fazer par com ela. Inicialmente foi cogitado o nome de Richard Crenna, que no momento estava ocupado em outro trabalho e depois Dick Sargent que também não pode aceitar o papel por estar indisponível naquele momento. Após uma série de testes Dick York acabou ganhando o papel.

 

 

A maior dificuldade foi em encontrar uma atriz para interpretar Endora, mãe de Samantha, pois a maioria das pessoas cogitadas não encaixava em seu perfil. Conta-se que Elizabeth Montgomery encontrou casualmente dentro de uma loja nos Estados Unidos, uma antiga colega. As duas conversaram sobre o projeto, ela fez o convite e Agnes aceitou.

 

 

No final de 1963, após a escolha do elenco, iniciaram-se as gravações do episódio piloto da série, graças ao apoio de patrocinadores como a Quaker e a Chevrolet que gostaram do projeto em uma de suas visitas ao estúdio. A primeira apresentação da série ocorreu em 17 de setembro de 1964, pela Rede ABC de televisão nos Estados Unidos, alcançando em pouco tempo muito sucesso, chegando rapidamente a segundo colocação de audiência. A primeira e segunda temporada da série foram produzidas em branco e preto. Somente da terceira temporada em diante ela passou a ser filmada em cores.

 

Partes:  01   |   02   |   03   |   04   |   05   |   06   |   Index

 

 


 



 

tvsinopse.

kinghost.net