tvsinopse.

kinghost.net

 







 


Imagine


 

 

Imagine se pudéssemos visualizar o mundo do amanhã onde todas as coisas que conhecemos provavelmente serão tudo muito diferente. Tempo esse em que todos os nossos valores atualmente vigentes já estarão trocadas por outras e assim como novas formas de pensamento terão seu lugar, num mundo talvez onde não haja mais lugar para algumas coisas que tanto fazemos questão de preservar nos dias de hoje, como por exemplo, a privacidade, as quatro paredes, os nossos personagens que temos interpretar todos os dias quando acordamos. Imagine que nesse futuro não haverá mais como o homem se esconder atrás da sua hipocrisia das quatro paredes de seu quarto e fingir a todos que é um sucesso ou o sujeito mais feliz da face da Terra.

 

 

Imagine que nesse mundo tudo que as pessoas fizerem, também será de conhecimento de todos, ninguém poderá fazer nada na calada da noite, sua vida terá que ser obrigatoriamente um livro aberto. Imagine um mundo sem falsidades e onde todos terão que ser aquilo que realmente são e quem sabe pela primeira vez na história a humanidade terá que aceitar o outro exatamente como ele é, com a sua bondade e também com a sua violência, com seu sucesso e fracasso, com a covardia e a coragem, e assim por diante.

 

 

Imagine um mundo onde determinadas palavras não terão mais sentido constarem dos verbetes dos dicionários ou na linguagem comum dos seres humanos como guerra, ditadura, holocausto, gueto, favelas, ditadores e revolucionários, entre outros, que simplesmente desapareceriam, pois seus usos não seriam mais necessários, porque não haveria onde utilizá-las. Imagine quando os animais não terão que ser mais sacrificados como fonte de alimentação, e nem que se seja preciso se preocupar com a ecologia, com a sustentabilidade, nem com a extinção de espécies animais, nem com a miséria ou fome e que todos tenham um teto para morar, frutas para colher e comer e água em abundância para nadar e beber.

 

 

Imagine um mundo onde ninguém sentirá vergonha de andar sem as suas roupas e nunca ouça mais falar em pornografias e pedofilias, e que todos os pais amem verdadeiramente seus filhos independentemente se eles carreguem ou não o seu sangue e que todos se tratem como irmãos e irmãs. Imagine um mundo em que possamos ler livros e os pensamentos apenas e simplesmente pelo puro prazer que ela nos proporciona, não para tentar aprender alguma coisa com ela, mas apenas para viajarmos através de suas aventuras, ver o que acontece do outro lado do buraco negro, navegar pelos sete mares dentro da barriga de Moby Dick, acordar como o gigante Gulliver numa terra desconhecida ou então lutarmos com moinhos de vento, ao lado do nosso amigo Sancho Pança, e por ai afora.

 

 

Imagine ler livros e conteúdos apenas pra nos emocionar, chorar e dar gargalhadas, somente para isso. Imagine também lermos uma infinidade de coisas e jamais nos tornarmos intelectualizados, donos da verdade ou acharmos que somos melhores que outros e que temos respostas pra tudo e para todos. Imagine podermos transmitir todos os nossos sonhos, os nossos delírios, os nossos desejos mais íntimos sem censura, sem pecado e nem vergonha. Imagine um mundo sem fronteiras de raça, cor, religião e outras idiotices do nosso tempo, um mundo em que não saibamos mais o que fronteiras significam, onde não seremos mais brasileiros, americanos ou alemães, mas somente terráqueos, onde minha terra não será somente a Amazônia, mas também as areias do deserto do Saara, as selvas africanas, as geleiras do Alaska ou as tundras da China.

 

 

Imagine o fato de ser negro, amarelo ou branco serão simples detalhes estéticos sem a mínima importância, onde não existam mais a pobreza, riqueza, classe média, sucesso ou fracasso, apenas seres humanos sem definições e nem graduações. Imagine não ter que lidar com valores monetários como dinheiro, barganha, troca, herança, propriedade, mercado, publicidade, e outros, apenas prover as necessidades dos outros para com os outros. Imagine uma sociedade vivendo apenas para a purificação de sua alma, de seu espírito, para tentar chegar naquilo que por tanto tempo se buscou, a felicidade.

 

Imagine um mundo sem homens importantes ou imbecis, um mundo onde finalmente aceitaremos todos os nossos fantasmas, os nossos medos, os preconceitos, as raivas e a violência que emana de nós como um ar que respiramos. Uma humanidade a busca de novos horizontes, audaciosamente indo onde ninguém jamais esteve. Imagine fazer contato com os extraterrestres e aprendermos as suas culturas e os seus pensamentos, quem sabe até comunicarmos com os seres atualmente considerados como irracionais ou insetos, trocar uma ideia com uma barata ou até mesmo dialogar com uma cobra ou uma simples pulga.

 

 

Imagine nos tele transportamos as outras dimensões e rever novamente nossos entes queridos que se tornaram estrelas no céu, e assim poder abraçar novamente a mãe e o pai, que ha tempos nos deixou, e quem sabe de lambuja até tomarmos um cafezinho com o Todo Poderoso no boteco da esquina. Imagine descobrirmos o que existe além da morte e o seu verdadeiro significado e finalmente tentar decifrar o grande enigma de Quem Sou?... Para onde Vou?... e Porque estou Aqui?

 

 

Imagine que tudo isso que sonhamos possa realmente um dia acontecer, e que apesar de muitos dizerem tratar-se de ser uma grande utopia, realmente se concretize indo de encontro a todas as teorias que conhecemos atualmente, e que o desconhecido cumpra um papel importante na realização dessa utopia, mudando inclusive o seu significado, como talvez Lennon tenha profetizado. Imagine que se um dia isso vier a mesmo acontecer, evidentemente que não será a solução de todos os nossos problemas, e sim apenas o início das nossas grandes e verdadeiras descobertas, de finalmente compreendermos se chegamos aqui por causas naturais ou por um delírio de Deus. Imagine um mundo de paz, isso não é ser sonhador, pois não sou o único, junte-se a nós num mundo como um só, e nesse dia quem sabe, finalmente conheceremos o verdadeiro significado das palavras Fraternidade, Liberdade e Igualdade em seu sentido amplo e pleno, e não apenas como tese filosófica. Imagine.

 

Retornar/Outros

 

 


 

 



 

tvsinopse.

kinghost.net