tvsinopse.

kinghost.net

 







 


Ramar das Selvas - Ramar of the Jungle - Parte 1


 

 

Ramar das Selvas ou Ramar of the Jungle foi uma série de aventuras norte-americana, apresentada originalmente pela Syndicated American Television entre 1952 a 1954, protagonizado por John Hall como o cientista Dr. Tom Reynolds, também conhecido como Ramar, juntamente com o professor Howard Ogden, interpretado por Ray Montgomery, como seu amigo e assistente.

 

Charlie - Howard e Ramar

 

Em todas as série Ramar era acompanhado por um guia: Nick Stewart como Willy no continente africano; James Fairfax como Charlie, também na África e Victor Millan como Zahir no território indiano, e em alguns episódios aparecia um macaco chamado Babette.

 

Howard - Ramar e Zahir

 

Os episódios foram filmados na África e Índia, em branco e preto, em filmes de 35mm, produzidos por Rudolph Flothow, tendo Leon Fromkess como produtor-executivo, pela Arrow Production e distribuídas pela Independent Television Corporation (ITC).

 

 

São quatro séries principais, contendo 13 capítulos cada uma, totalizando 52 episódios de aproximadamente 25 minutos cada. Muitos episódios também foram filmadas na Califórnia em Corriganville, Ray Corrigan Ranch e Simi Valeey, California.

 

 

A primeira série foi dirigida por Wallace Fox, na África, apresentando Charlie como guia e tendo como título de abertura "Ramar shoots at roaring lion" e a segunda dirigida por Paul Landres, na Índia, apresentando Zahir como guia e tendo como título de abertura "Roaring Tiger".

 

 

A terceira série foi dirigida por Sam Newfield, retornando novamente a África, apresentando como Willy como guia e tendo como título de abertura, "Jungle River" e finalmente a quarta série foi dirigida por Spencer Bennet, também na África, e tendo Willy novamente como guia, e a abertura com o título "Native Tribo"

 

 

Entre 1953 a 1955 mais quatro filmes teatralizados foram realizados pela Lippert Production, que foram compilados em três episódios para uma das séries da televisão.

 

 

O primeiro filme foi "White Goddess", produzido em 1953, pela Lippert, em preto e branco, com direção de Wallace Fox, com duração de 73 minutos. A história narra o Dr. Tom Reynolds (John Hall) indo para a África afim de pesquisar uma porção reputada como poder manter uma deusa branca "White Goddess" (Millicent Patrick) eternamente jovem.

 

 

Juntamente com seu amigo Howard Ogden (Ray Montgomery), Ramar salva Trudy VanTyne, a filha de um comerciante dos selvagens que a capturam e a hipnotizam, planejando fazer dela uma rival para a White Goddess. Dois condenados fugitivos persuadem a White Goddess (que na realidade ela era esposa de um outro foragido), a fugir com as riquezas, mas todos os três são mortos ao tentarem fugir.

 

 

O segundo Eyes of the Jungle, foi produzido em 1953, pela Lippert, em branco e preto, dirigido por Paul Landres, contendo 79 minutos de duração. Desta vez, o Dr. Tom Reynolds (John Hall) e o seu amigo e assistente Professor Howard Ogden (Ray Montgomery) aventuram-se na Índia guiados por Zahir, onde eles conhecem um Guru índio.

 

 

Howard fica doente de uma doença misteriosa que deixa uma marca misteriosa em seu braço. Ele é levado pelo nativo para encontrar a flor de uma planta para sua cura, quando defrontam com dois americanos que estão tentando roubar a preciosa "Sacred Tablet of Vyasa" de uma aldeia.

 

 

O terceiro "Thunder Ove Sangoland" de 1955, produzido pela Lippert, em branco e preto, foi dirigido por Sam Newfield e tem a duração de 73 minutos. O Dr. Tom Reynolds (John Hall) e o Professor Howard Ogden (Ray Montgomery) retornam novamente para a África atendendo a um chamado de um missionário e sua filha que são ameaçados de morte por uma tribo na selva.

 

 

Na verdade este é apenas um esquema montado por um par de contrabandistas de ouro, juntamente com um renegado nativo, para poderem levar esses bandidos para fora da selva. Ramar tem que salvar a menina dos perigos  e mais uma vez fazer com a selva torne-se um lugar seguro para os colonos brancos.

 

 

Na quarta produção da Lippert, "Phantom of the Jungle", de 1955, conta com a direção de Spencer Bennet, em branco e preto, com duração de 75 minutos. Neste filme o Dr. Tom Reynolds (John Hall), o Professor Howard Ogden (Ray Montgomery) e Nancy Arlington (Anne Gwynne), tem que enfrentar selvagens hostis, quando entram na selva em busca do pai dela, o Dr. Arlington (Kenneth MacDonald) que se acreditava ter morrido numa expedição arqueológica.

 

 

John Hall nasceu no dia 23 de fevereiro de 1915, em Fresno, Califórnia e chegou ao sucesso na carreira de ator por volta de 1935, no filme "Hurricane" ao lado de Dorothy Lamour. Ficou com a popularidade até o final da década de 40, quando passou a atuar em filmes de aventuras. Na década de 50 passou a estrelar a série de televisão Ramar of the Jungle.

 

 

Foi casado com a cantora francesa Francês Langford, entre 1934 a 1955 e também a atriz Raques Torres. Mais tarde adquiriu um câncer na bexiga e como era insuportável a dor, dizem que cometeu suicídio no dia 13 de dezembro de 1979, em North Hollywood, na Califórnia. John Hall possui duas estrela em Hollywood Walk of Fame, uma situada em 1724 Vine Street pelo cinema e em 6933 Hollywood Boulevard pela sua atuação na televisão.

 

 

Esta série é apontada por vários autores como sendo uma tentativa de fazer frente a Jim das Selvas e também a de pegar uma "carona" no sucesso do outro. As semelhanças entre ambas as séries são notórias, mas não deixa de ser um filme interessante. Atualmente suas fitas são disputadas pelos colecionadores. No Brasil esta série foi exibida no final dos anos 60 pela extinta TV Tupi.

 

Elenco

 

Jon Hall como Ramar / cientista Dr. Tom Reynolds

 

Ray Montgomery como Professor Howard Ogden 

 

James Fairfax como o guia Charlie, na África

 

Nick Stewart como guia Willy como, na África

 

Victor Millan como o guia Zahir, na Índia

 

 

Episódios

 

 Blind Peril

The Blue Treasure

The Bride of the Idol

The Burning Barrier

Call to Danger

Contraband

The Crocodile God of Kaa

Curse of the Devil Doll

Danger in Disguise

Dark Justice

Dark Venture

The Devil Soul

The Doomed Safari

Drums of Doom

Drums of the Jungle

Evil Strangers

Evil Trek

 The Flaming Mountain

The Flower of Doom

The Forbidden Village

 The Golden Tablet

The Hidden Treasure

Ido Voo-Doo

Jungle Terror

 Jungle Treasuere

Jungle Vengeance

King of the Watus

Lady of the Leopards

The Los Safari

The Mark of Shaitan

Mark of the Bola

 The Mask of Kreenah

The Mystic Pawn

The Road of No Return

The Sacred Monkey

 Savage Fury

Striped Fury

Thunder over Sangland

The Tiger´s Claw

Trail to Danger

The Tree of Death

Tribal Feud

The Unknown Terror

 Um of Destiny

Valley of No Return

The Voice in the Sky

Voice of the Past

White Man´s Magic

White Savages

Zombie Terror

 

 

Filmes

 

White Goddess - 1953

Eyes of the Jungle - 1953

Thunder over Sangoland - 1955

Pahnton of the Jungle - 1955

 

 

Outras produções encontradas foram distribuídas pela ITC:

 

01. Ramar and the Burning Barrier - 1964 - ITC - 82 minutos - branco & preto

02. Ramar and the Deadley Females - 1964 - ITC - 80 minutos - b & p

03. Ramar and the Jungle Secrets - 1964 - ITC - 81 minutos - branco & preto

04. Ramar´s Mission to India - 1964 - ITC - 80 minutos - branco & preto

05. Ramar and the Savage Challenges - 1964 - ITC - 83 minutos - b & p

06. Ramar and the Hidden Terrors - 1964 - ITC - 83 minutos - branco & preto

07. Ramar and the Jungle Voodoo - 1964 - ITC - 78 minutos - branco & preto.

 

Um sétimo filme realizado para a televisão foi recentemente descoberto pela Alpha Video e liberada no formato DVD. A existência desse título, até então desconhecido, sugere que outros filmes possam existir e serem descobertas em breve. 

 

Partes:  01   |   02   |   Index

 

 


 



 

tvsinopse.

kinghost.net